Pesquise no Leitora Viciada

22 de outubro de 2011

57º Feira do livro de Porto Alegre

Com início no dia 28 de outubro, a 57ª Feira do Livro de Porto Alegre contará com a presença de dois ilustres escritores franceses Kangni Alem e Henry Lœvenbruck. Figuras de personalidade do cenário literário mundial, os dois estarão no evento graças a tradicional parceria com Bureau du Livre da Embaixada da França e com o apoio da Aliança Francesa. Kangni é dono de uma escrita densa e trata de temas históricos. Henri Loevenbruck é considerado o mestre da literatura de thriller na França. A intensa programação também contará com nove seminários entre outras atividades para educadores, mais de 30 oficinas para público adulto e cerca de 100 apresentações artísticas e exibições de filmes.


A Feira do Livro de Porto Alegre, que tem espaço reservado na agenda de grande parte dos gaúchos a cada primavera, chega a sua 57ª edição com a expectativa de receber mais de 1.7 milhão de visitantes.
Serão cerca de 800 sessões de autógrafos, aproximadamente 200 palestras e debates, 400 encontros com autores, contações de histórias e outras atividades para os públicos infantil e juvenil e para alunos da EJA. A intensa programação também contará com nove seminários entre outras atividades para educadores, mais de 30 oficinas para público adulto e cerca de 100 apresentações artísticas e exibições de filmes.

A novidade deste ano serão as Datas Temáticas. Diariamente, um tema diferente será abordado em ao menos uma atividade na programação geral para adultos e em outra, na programação do Cais do Porto, onde funciona a Área Infantil e Juvenil e ocorre o ciclo A Hora do Educador. Os temas definidos são os seguintes: Biblioteca; Livro e Leitura; Suspense; Literatura de Terror; Viagens; Cinema; Humor; Cultura Popular; Conto; Gastronomia; Afrodescendência; História; Antropologia; Corpo/Saúde/Erotismo; América Latina; Direitos Humanos e Acessibilidade; Dia Mundial da Gentileza; Ecologia e Comunicação.

Em 2010, a Feira do Livro de Porto Alegre foi reconhecida como patrimônio imaterial da cidade pela Secretaria Municipal da Cultura. A homenagem se soma à medalha da Ordem do Mérito Cultural, concedida pela Presidência da República no ano de 2006, que reconheceu o evento como um dos mais importantes do Brasil.


Programação

Instagram @leitoraviciada

Skoob

Online

Siga por e-mail