Pesquise no Leitora Viciada

4 de setembro de 2014

Amor em Jogo (Wild Cards), de Simone Elkeles e Globo Livros

Amor em Jogo
Wild Cards - livro 1
Simone Elkeles - Globo Livros
Tradução: Santiago Nazarian
360 páginas - Ano: 2014 - R$29,90

Sinopse:
"Ashtyn Parker já está acostumada a ser abandonada, e aprendeu a não se deixar envolver demais em nenhum relacionamento. Quando sua irmã mais velha volta para casa, depois de dez anos, com um enteado a tiracolo, ela não quer saber de nenhum dos dois. O que Ashtyn não esperava é que o tal garoto mal-encarado e sem nenhum limite seria também... Irresistível.
Depois de ser expulso do colégio interno em que estudava, Derek Fitzpatrick não teve outra escolha senão ir morar com a esposa de vinte e poucos anos de seu pai, que está viajando pela Marinha. Além de ter que aturar a madrasta, ele recebe a notícia de será obrigado a se mudar da Califórnia para sua cidade natal, Illinois. A vida não tinha mesmo como ficar pior...
Ashtyn se esconde atrás de uma fantasia da vida perfeita: boa aluna, a única menina – e capitã! – do time de futebol americano da escola e namorada do quarterback promissor. Tudo parecia um conto de fadas. Ainda assim, ela se sente deslocada, e tem um plano para deixar tudo pra trás e correr em busca da bolsa de estudos em alguma faculdade bem longe de sua vida atual.
Tudo o que Derek menos quer é participar de mais um drama familiar – já bastam os seus. Agora, ele se vê preso a uma casa estranha, com pessoas que não conhece e em uma cidade bem diferente do que está acostumado. O que ele não esperava era que aquela garota briguenta e fã de junk food seria capaz de mexer tanto com seus sentimentos. Ainda mais ele, tão acostumado a descartar meninas por aí.
Para azar – ou sorte!? – de Ashtyn e Derek, o destino ainda guarda mais uma reviravolta na manga. Mesmo com hábitos, ideias e sonhos completamente opostos, um desejo incontrolável surge entre os dois e, juntos, eles enfrentarão o desafio de vencer os preconceitos e os tabus da cidade em que vivem, além de seus próprios medos, para se entregarem completamente a uma paixão avassaladora.
Amor em jogo é o primeiro volume de uma bem-sucedida trilogia que se tornou uma verdadeira febre nos Estados Unidos, onde chegou a ser transformado numa webssérie produzida pela própria autora e disponível no YouTube."

Links: Globo Livros | Skoob | comprar

Resenha:
Amor em Jogo é o primeiro livro da série Wild Cards, da autora Simone Elkeles, lançado no Brasil pela Globo Livros. A maioria dos leitores brasileiros conhece Elkeles por Química Perfeita (2011). Infelizmente a editora que publicou o livro no Brasil fechou as portas e os fãs ficaram sem o restante da série.
Convido então todos que curtiram Química Perfeita: Conheçam Ashtyn e Derek, de Wild Cards, pela Globo Livros!
Amor em Jogo é um Young Adult originalmente publicado em língua inglesa em 2013, com todos os itens comuns do gênero, formando uma ótima história para o público-alvo.
As cores da capa combinaram bastante, mas não ilustram o conteúdo do livro como deveriam. Ele é mais adulto e a capa original seria uma escolha melhor. Por outro lado, a tradução do título é perfeita!

O livro é dividido em mais de cinquenta capítulos sem títulos, apenas com o nome do narrador (Derek ou Ashtyn). Em primeira pessoa, a narrativa segue a ordem cronológica, mostrando o ponto de vista de ambos. Além de dinâmica, a alternância é importante, porque como os dois vivem se desentendendo, o leitor acompanha os encontros e desencontros em um texto cheio de bom humor, ora engraçado, ora irônico. Nós ficamos sabendo, mas as personagens nem sempre, o que deixa a história agitada e com muitos acontecimentos.
A linguagem da autora é leve e o texto é claro, com vários diálogos estruturados.
O livro é romântico, divertido e levemente apimentado. O foco da história é o casal protagonista, que se apaixona entre uma briga e outra. O modo como se conhecem é inusitado.
A diversão é tão boa como em filmes de comédias juvenis dos Estados Unidos. O livro não é erótico nem possui apelo sexual, mas a atração é eletrizante, sexy, encontrando um meio-termo perfeito, nem infantil nem apelativo. Gostei muito do equilíbrio, pois não sou fã de livros hots, mas também me sinto entediada quando o casal fica distante e o relacionamento artificial. Simone Elkeles é famosa por tecer química entre seus casais, tanto psicológica quanto física. Por Amor em Jogo, pude comprovar. É um relacionamento quente, engraçado e agitado.

O romance é contemporâneo e sua ambientação é Chicago em sua totalidade (mas há outros locais, como o Texas). O enredo apresenta clichês estadunidenses, especialmente dos estudantes (equivalentes ao nosso Ensino Médio), que já se preparam para terminar a escola e iniciar a faculdade, ou estão começando o Ensino Superior e a vida jovem adulta.
Clichê pode ser positivo quando elaborado com frescor, intensidade, efeito. Não me importo se o livro possui clichês ou inovações, desde que a história seja envolvente e me segure ansiosamente até o término. Amor em Jogo é assim, com várias características comuns da juventude americana, mas é uma leitura tão agradável e até mesmo, viciante. A história avançou e eu nem percebia.
Todas as personagens me agradaram, estereotipadas ou não. Mas... E o casal protagonista? O que eles agregam e contribuem para entreter o leitor?

Derek Fitzpatrick foi um astro prodígio do futebol americano, mas decidiu nunca mais jogar. O pai é da Marinha e vive fora de casa. Depois de ser expulso do colégio interno, o rapaz com pose de bad boy não tem escolha e precisa morar com sua madrasta. O problema é que esta decide voltar a morar em Illinois, então Derek abandona a Califórnia sem assim desejar.
O rei das pegadinhas precisa então se adaptar ao novo lar, estado, família e rotina. Ele não quer se envolver em drama algum, nem se apegar, já que planeja ir embora. Só que sua nova estranha família só lhe traz surpresas que o perseguem. O destino é que prega uma peça no jovem! Ao conhecer a irmã mais nova de sua madrasta, Derek mostra ao leitor seu lado mais profundo, mas, claro, ele o esconde das personagens - embaixo do seu jeito bad boy!
Adorei Derek desde o começo. Ele é carismático, inteligente, despretensioso e charmoso. Não é um protagonista criado apenas para satisfazer o público feminino (mas todas se apaixonarão!). Descobrir seus segredos é interessante.


Ashtyn Parker é a única garota da região que joga futebol americano... com os rapazes! Ela enfrenta o preconceito e piadas, além de conquistar o respeito dos colegas. Sonha em jogar profissionalmente, ao menos em conseguir uma bolsa para a faculdade. É a melhor maneira de unir o que mais gosta ao necessário: Sair de casa. Todos parecem não se importar com ela.
Sua irmã mais velha volta ao lar, e traz o filho e o enteado sem avisar. A casa agora ficou pequena, ainda mais para uma família conturbada. Para piorar, o namoro com o astro de seu time não vai nada bem, afetando toda a equipe. Ashtyn vê todas as áreas de sua vida ruírem, logo precisa de uma nova jogada para conseguir a sonhada bolsa. O problema é que seu coração está se despedaçando, e toda a sua fachada durona parece estar se quebrando também.
Gostei muito da força de vontade da Ashtyn. É raro uma personagem ter a teimosia explicada. Eu a vejo determinada, mas se finge de teimosa. Ela é uma mocinha atípica, não apenas por jogar com os caras. É decidida, forte e muito amiga.


Derek e Ashtyn se encontram, se enfrentam e não conseguem se separar. Ambos possuem seus defeitos, segredos e motivação para não ficarem juntos. O amor está em jogo!
Eu amei o casal, os dois são sarcásticos e profundos, aparentemente tão diferentes, mas tão semelhantes no interior...
As personagens secundárias complementam e movimentam a trama.
O pai de Ashtyn não apoia a filha no futebol americano. Por que ela não é comum como as outras garotas? Por que não líder de torcida? A irmã de Ashtyn (madrasta de Derek) inicialmente se mostra fútil, mas depois a conhecemos melhor. Falkor é o cão de Ashtyn. Assim como todos, ele é cheio de personalidade, trazendo diversão. Me apaixonei por ele. O namorado da Ashtyn é machão, mulherengo, implicante e popular.
Temos ainda mais personagens em cena...

O livro aborda vários temas: Família não tradicional, amadurecimento pessoal e preconceito, além de outros.
O destaque no relacionamento dos protagonistas é acompanhar o impacto desse encontro nas vidas de ambos e a evolução particular deles em relação à vida. No fim, o foco é o envolvimento romântico e sexual de Derek e Ashtyn, mas também os conflitos próprios e mudanças de cada um.
A edição conta com curtas explicações no rodapé sobre as posições dos jogadores e também jogadas comuns. Já que é futebol americano e o leitor não é obrigado a conhecer o esporte.
O desfecho do livro é animado, deixando a opção do leitor terminar sua leitura ou desejar prosseguir com a série. Com certeza lerei a continuação quando for publicada.

A autora:
Simone Elkeles nasceu em  1970, foi criada nos subúrbios de Chicago e tem muito em comum com as personagens que cria.
É autora de séries Young Adult premiadas que entraram na lista dos mais vendidos do New York Times.
Amor em Jogo é o primeiro romance de Wild Cards publicado no Brasil pela Globo Livros.

Links: Site | Twitter





Episódios (em inglês) da webssérie Wild Cards:










Instagram @leitoraviciada

Skoob

Online

Siga por e-mail