Pesquise no Leitora Viciada

4 de maio de 2018

Lançamentos: Sextante

Lançamentos da Sextante em maio de 2018.
Me Poupe!
Nthalia Arcuri - Sextante
176 páginas - R$ 29,90 (impresso) e R$ 19,99 (ebook) - comprar

Sinopse:
"Nathalia Arcuri é criadora do Me Poupe!, maior canal de finanças do mundo no YouTube.
Como economizar no dia a dia? Como poupar mesmo ganhando pouco? Quais são os melhores (e os piores) investimentos? Como poupar para o futuro sem abrir mão dos desejos e necessidades do presente?
Sei que você tem muitas dúvidas sobre o que fazer com o seu dinheiro. Sei também que muita gente simplesmente não faz nada com ele – a não ser pagar contas e juntar moedinhas para chegar até o fim do mês. É por isso que estou aqui.
Sempre fui uma poupadora compulsiva. Desde cedo compreendi que precisaria juntar dinheiro para realizar meus sonhos. Aos 7 anos comecei a poupar para comprar um carro quando fizesse 18. Com 23 comprei meu primeiro apartamento à vista. Aos 30 pedi demissão do meu emprego de repórter de TV e montei o canal Me Poupe!, no YouTube. Aos 32 me tornei milionária.
Hoje o Me Poupe! tem mais de 1,5 milhão de inscritos e é visto por mais de 8 milhões de pessoas por mês, sendo pioneiro na criação do conceito de entretenimento financeiro ao falar de dinheiro com leveza e bom humor. Tenho orgulho de dizer que, aos 35 anos, estou perto de conquistar minha independência financeira.
Vou contar para você como cheguei até aqui, as roubadas em que me meti, as dúvidas que tive e tudo o que aprendi ao longo desses anos. Mas este livro não é sobre mim. É sobre você, o seu dinheiro e a maneira como vem lidando com ele até agora.
Eu resolvi escrevê-lo para passar uma mensagem curta e grossa: você pode sair do buraco, não importa qual o tamanho dele.
Para ajudar nesse processo, reuni exemplos práticos, situações reais, planilhas e exercícios, e organizei tudo isso em 10 passos simples para nunca mais faltar dinheiro no seu bolso.
A partir dessas dicas, você vai aprender a dar um basta nos hábitos que sabotam sua saúde financeira, a identificar as crenças que impedem seu enriquecimento e a encontrar modalidades de investimento que caibam na sua realidade. E o melhor: vai descobrir um mundo maravilhoso em que o dinheiro trabalha para você, e não você para ele.
Mas talvez a minha dica mais importante seja: poupar não é só acumular um monte de dinheiro. Poupar tem a ver com realizar sonhos. É necessário ter foco, estabelecer prioridades e até abrir mão de uma ou outra coisa em nome de um objetivo maior.
Eu poupo desde criança porque tenho metas e propósitos. E essas metas e propósitos têm a ver com pessoas e com experiências, porque, afinal, viver não é correr atrás de grana. A vida vale pelas experiências que o dinheiro nos proporciona, pelos encontros que temos pelo caminho e pela alegria de estarmos vivos todos os dias.
Nathalia Arcuri."

Culinária Básica
Vigilantes do Peso - Sextante
416 páginas - R$ 69,90 (impresso) e R$ 49,99 (ebook)

Sinopse:
"As melhores receitas do Vigilantes do Peso.
Se você procura ideias para deixar seus pratos saborosos e saudáveis, a inspiração que precisa está em Culinária Básica.
Com o selo de qualidade Vigilantes do Peso, este livro reúne receitas deliciosas e dicas úteis para você comer bem, manter-se em forma e se aventurar na cozinha - não importa se você é um cozinheiro de mão cheia ou se nunca fritou um ovo.
São mais de 200 receitas nutritivas - do café da manhã aos pratos principais para almoço e jantar, passando por lanches, aperitivos, acompanhamentos e sobremesas. As receitas são acompanhadas de fotos de dar água na boca, além de informações como tempo de preparo, nível de dificuldade e quantidade de pontos para o programa de perda e manutenção de peso.
Conheça ainda os utensílios e equipamentos essenciais para sua cozinha, além de técnicas culinárias, cortes de carne, tipos de massa, cortes mais comuns d elgumes e verduras, um guia de temperos e o preparo de pratos básicos como arroz e feijão, ovos e omeletes, purê, farofa, entre outros.
Sinta-se no controle da sua alimentação!"

Escrevi Isso pra Você: Poemas
Iain S. Thomas - Sextante
280 páginas - R$ 39,90 (impresso) e R$ 24,99 (ebook) - comprar

Sinopse:
"Você sempre me diz que foi bom enquanto durou. Que as chamas mais intensas são as que queimam mais rápido. Ou seja, você via em nós uma vela. E eu via em nós o sol.
Escrevi isso pra você é uma coletânea de poemas contemporâneos sobre os diversos momentos do amor: a paixão e o encantamento dos primeiros tempos, o lento afastamento, a solidão a dois, a dor do fim e a esperança de novos começos.
Reunindo cerca de 200 textos divididos em quatro partes – Sol, Lua, Estrelas, Chuva –, o poeta sul-africano Iain S. Thomas combina palavras profundas e intensas com fotografias frias e impessoais. O resultado é um livro que provoca uma explosão de sentimentos perturbadores e conflitantes, mas totalmente familiares a qualquer pessoa que já tenha amado e sofrido pelo menos uma vez.
Conhecido nas redes sociais pelo pseudônimo pleasefindthis, o autor começou sua trajetória na internet, publicando poemas e fotos em seu blog pessoal. Com o tempo, seu trabalho ganhou repercussão, se transformou em livro e encantou milhares de leitores ao redor do mundo.
Com extrema delicadeza, Escrevi isso pra você expõe a natureza frágil das relações humanas e as nuances líricas e obscuras do amor."

A Curvatura da Banana
Mrcos Costa - Sextante
240 páginas - R$ 39,90 (impresso) e R$ 24,99 (ebook) - comprar

Sinopse:
"Neste novo livro, Marcos Costa, consagrado autor de História do Brasil para quem tem pressa , apresenta uma espécie de doença social que acomete o Brasil desde a chegada dos portugueses e nos impede de construir um projeto de nação.
Relembrando fatos históricos conhecidos de todos nós, ele delineia as circunstâncias em que foi lançada a pedra fundamental que vem baseando nosso cotidiano ao longo dos últimos 500 anos e levanta questões que nos farão refletir sobre que país desejamos para os próximos cinco centenários.
“A recorrência, no Brasil, das relações espúrias entre governo e empresários ao longo de 500 anos de nossa história e a consequente falta de distinção entre o público e o privado devem ser objeto de uma reflexão profunda, por serem a vertente de nosso descompasso com a civilização, de nosso eterno voo de galinha como nação, de toda a nossa tragédia cotidiana.
Tendo a sociedade brasileira sido constituída desde o início da forma que foi, o resultado não poderia ter sido outro. É da natureza de um sistema completamente descompromissado com um projeto de nação gerar uma sociedade também extremamente personalista, cuja peculiaridade é a prevalência da parte sobre o todo. Assim como é da natureza da bananeira gerar um fruto como a banana, com todas as suas características, inclusive sua curvatura peculiar.
A corrupção está para o tipo de sociedade, de política e de economia que se praticam no Brasil como a sua curvatura peculiar está para a banana, ou seja, é sua mais primária natureza, sua genética, seu destino e sua disposição natural. Enquanto não houver uma nação, não haverá povo, não haverá cidadania. Assim como enquanto cultivarmos bananeiras não iremos colher outro fruto senão bananas.” – Marcos Costa."


Skoob

Online

Siga por e-mail