Pesquise no Leitora Viciada

9 de novembro de 2012

Walt Disney Pictures apresenta Oz: Mágico e Poderoso

Oi, Leitoras e Leitores Viciados. Aqui no blogue além de mostrar as novidades de livros e quadrinhos posto sobre suas adaptações. Esta postagem não é sobre uma adaptação cinematográfica nem de livro ou HQs.
Porém possui ligação direta com um dos maiores clássicos juvenis: O Mágico de Oz (The Wonderful Wizard of Oz) de L. Frank Baum, originalmente publicado em 1900 nos Estados Unidos.




Também não é um remake do filme O Mágico de Oz (1939, de Victor Fleming, Richard Thorpe e King Vidor). É uma invenção das origens da Terra de Oz, com fatos ocorridos antes de Dorothy e Totó chegarem à Estrada de Tijolos Amarelos.

A nova aventura fantástica é feita pela Walt Disney Pictures e o título é Oz: Mágico e Poderoso (Oz: the Great and Powerful), dirigida por Sam Raimi (Trilogia Homem-Aranha) e produzida por Joe Roth (Alice no País das Maravilhas, Branca de Neve e o Caçador). Serão mostradas as origens do adorado personagem do livro de L. Frank Baum, o Mágico de Oz.

Sinopse:
"Quando Oscar Diggs (James Franco), um inexpressivo mágico de circo de ética duvidosa é afastado da poeirenta Kansas e acaba na vibrante Terra de Oz, ele acha que tirou a sorte grande - e que fama e fortuna o aguardam - isso até que ele encontra três bruxas, Theodora (Mila Kunis), Evanora (Rachel Weisz) e Glinda (Michelle Williams), que não estão convencidas de que ele é o grande mágico que todos estão esperando.
Relutantemente envolvido nos problemas épicos que a Terra de Oz e seus habitantes enfrentam, Oscar precisa descobrir quem é bom e quem é mau antes que seja tarde demais. Lançando mão de suas artes mágicas por meio da ilusão, ingenuidade e até de um pouco de magia, Oscar se transforma não apenas no grande e poderoso Mágico de Oz mas também em um homem melhor."

Trailer:



Imagens oficiais do filme:







O livro de L. Frank Baum teve sua primeira edição publicada em março de 1900, o famoso livro O Mágico de Oz (The Wonderfull Wizard of Oz, a tradução direta seria O Maravilhoso Feiticeiro de Oz, mas no Brasil o livro foi publicado com o mesmo nome do filme, sua adaptação de 1939), traduzido em diversos idiomas, em incontáveis edições e adaptações.
Baum nunca escondeu que sua inspiração foi o livro Alice no País das Maravilhas escrito por Lewis Carroll (Charles Lutwidge Dodgson) e publicado em 1865.

A 1ª edição.
Em 1904, ele escreveu e publicou a primeira sequência, The Marvelous Land of Oz, explicando que ele a escreveu de má vontade para atender a demanda popular.


Baum escreveu também outras continuações, chamadas a partir de então de Oz Books em 1907 (Dorothy and the Wizard of Oz), 1908 (Ozma of Oze 1909 (Road to Oz).

Em seu 1911, ele escreveu The Esmerald City of Oz e disse que não poderia continuar escrevendo mais porque a Terra de Oz tinha perdido o contato com o resto do mundo.


O público se recusou a aceitar essa história, então Baum, em 1913 e todos os anos seguintes até sua morte em maio de 1919, escreveu um livro de Oz.
Foram no total treze livros em inglês além do original.



Após sua morte, em 1920, o último livro foi publicado. O póstumo Glinda of Oz.


A questão é: se Baum considerava apenas a obra original como importante e especial, e o restante da série tendo escrita sob pressão, será que ele aprovaria mais uma história sobre a Terra de Oz, que será o filme da Disney Oz: Mágico e Poderoso?
Ps.: juntamente com este lançamento da disney de 2013, o filme de 1939 será relançado em DVD e Blu-ray em 3D.

Instagram @leitoraviciada

Skoob

Online

Siga por e-mail