Pesquise no Leitora Viciada

27 de maio de 2014

Encontre-me, Romily Bernard e Globo Livros

Encontre-me (Find me)
Série Encontre-me - livro 1
Romily Bernard - Globo Livros
Tradução: Bruno Gambarotto
304 páginas - Ano: 2014 - R$29,90

Sinopse:
"Um clima de suspense crescente, narrado sob o ponto de vista de uma heroína com a cara do século 21: a descolada adolescente Wick Tate. Órfã de mãe, e filha de um violento criminoso, a garota só confia em seu aguçado instinto de sobrevivência quando se trata de cuidar de si mesma e da irmãzinha, Lilly. Não confia em ninguém – nem mesmo nos pais adotivos com quem ela e Lilly temporariamente vivem num confortável lar de classe média alta próximo à cidade de Atlanta. Por isso mesmo, tenta se garantir mantendo uma secreta e rentável "atividade extracurricular". Faz investigações on-line sob encomenda para mulheres que suspeitam da fidelidade dos parceiros. Wick é uma hacker de mão cheia. Essa é a base da trama de Encontre-me, da jovem autora Romily Bernard, que acaba de ser lançado no Brasil.
O peculiar estilo de vida de Wick sofre uma reviravolta quando Tessa Waye, uma antiga amiga de escola, é encontrada morta e o diário dela acaba nas mãos de Wick. Em meio às páginas, uma enigmática mensagem: "Encontre-me". Aos poucos, Wick involuntariamente é enredada numa rede de mistério que se transforma num desafio pessoal, quando se descobre que Tessa foi assassinada – e que Lilly pode ser a próxima vítima. Para chegar à identidade do assassino, Wick terá de contar com todo seu talento em programação de computadores, além da ajuda constante do vizinho, com quem tem uma certa tensão sexual, Griff.
Com um enredo que mantém o leitor agarrado ao livro da primeira à última página, Encontre-me é o livro de estreia de Romily Bernard e o primeiro de uma trilogia."

Links: Globo Livros | Skoob | comprar

Resenha:
Encontre-me é o primeiro livro da trilogia homônima. Ele possui cinquenta capítulos curtos e intensos e um breve epílogo que já introduz ao próximo livro, Remember me, a ser publicado também pela Globo Livros (ainda neste ano!). Parece que cada volume é independente com início, meio e fim, sem a necessidade de ler os três e / ou na ordem. Acho isso interessante em livros policiais.
A capa é simples e combina com o thriller de ação. Encontre-me é basicamente um Young Adult policial e de suspense, gostei da combinação. A diagramação segue o mesmo padrão da capa.
O surpreendente do livro é que ao iniciar a leitura eu não imaginava que ela seria tão agradável e veloz. É uma narrativa muito boa e fluida que dependendo do leitor as páginas podem ser finalizadas em um dia apenas. Eu não conseguia pausar a leitura, quanto mais eu lia, mais minha curiosidade se acentuava.

A narrativa é em primeira pessoa e feita pela protagonista Wick. O estilo da autora é notavelmente envolvente e detalhado. Ela sabe criar tensão, utilizando ferramentas literárias simples. Ruídos, perseguições e cenários escuros se transformam em boas situações de mistério crescente.
O começo do livro apresenta um enredo promissor, o clima carregado de dúvida. O início é muito instigante.
Meu problema principal com o livro foi que desvendei o enigma principal antes mesmo de ter lido um terço dele: O vilão da história.
O livro possui alguns defeitos, segundo minha visão: Se Wick tem dezesseis anos de idade e vive há alguns trocando de lares provisórios adotivos, como com doze anos apenas ela se tornou uma hacker de primeira linha? Ainda mais se ela e Lily (sua irmã de onze anos de idade) sofreram tanto com o suicídio da mãe que vivia em depressão e o pai que é um grande criminoso. E como ela e a irmã continuam nesses anos todos tendo os mesmos vizinhos, estudando na mesma escola e se relacionando com as mesmas pessoas?
E a grande questão: Por que cinco adolescentes / pré-adolescentes não avisaram a nenhum adulto sobre estarem buscando um assassino?

Wick é o tipo de protagonista para amar ou odiar. Eu curti a personagem! Ela é revoltada, rebelde e muito desconfiada. É sarcástica e mesmo quando morre de medo, não desiste. Uma adolescente durona e teimosa a ponto de ser inconsequente e colocar a segurança dela e da irmã em risco.
Não aceita nenhuma ajuda e tenta ser autossustentável e ainda por cima, superproteger a irmã. Ela é estourada e vingativa. Eu já citei "desconfiada"? Gostei dela porque é diferente das típicas heroínas e todas as características a tornam ousada e corajosa.
Ela não quer ser salva por ninguém, prefere fazer tudo sozinha e não abre espaço para se afeiçoar a nenhuma pessoa além da irmã.
Lily também é esperta, mas ao contrário de Wick (talvez por ser protegida pela irmã) é amigável e menos tensa.
Admirei bastante o amor e união das irmãs. A ligação delas é linda, intensa, emocionante. É a relação mais verdadeira do livro e o ingrediente principal para o leitor se apegar a dupla Wick e Lily.

Lauren é a melhor amiga de Wick e é popular e líder de torcida - o contrário de Wick. Não sei como elas se tornaram tão íntimas, mesmo com a explicação dada pela autora.
A irmã mais nova de Tessa (a menina que teve a morte causada pelo assassino abusador) é Tally. Ela também sabe que o assassino está a solta e em busca do novo alvo.
O quinto jovem a se envolver na caçada ao assassino é Griff, que estuda com Lauren e Wick (e estudou com Tessa). É um rapaz atraente e misterioso. Conhece Wick há alguns anos e, embora nunca tenham conversado, está a todo esse tempo loucamente apaixonado por ela.
Esses são os cinco jovens cientes da existência do assassino. Wick e Tally não querem a polícia envolvida por uma série de motivos (sem fundamento) e os demais concordam. Exceto Griff; este tenta convencer Wick do contrário.

Griff e Wick se envolvem na perigosa e mortífera busca pelo assassino e se aproximam rapidamente. Eles possuem algumas coisas em comum (principalmente segredos) e Griff, além de apaixonado, quer ajuda-la. Ela não quer se relacionar com ninguém, mas acaba se sentindo atraída por ele.
O romance não é o ponto principal do livro, o que eu achei bom. Não gosto de romances forçados. E Romily Bernard não apresenta o saturado triângulo amoroso, então ponto para ela. No entanto, acho que Griff e Wick poderiam ter permanecido apenas como amigos. A atração física até poderia existir, mas talvez o romance pudesse nascer depois, já que a série é uma trilogia. Acredito que o relacionamento deles ainda será explorado nos próximos livros.

A base da história é excelente: Wick é uma hacker que confia apenas na irmã mais jovem, a quem ela quer proteger e ama mais que a si própria. A mãe se suicidou e o pai é procurado pela polícia. Wick hackeia homens por encomenda. As mulheres a pagam para destrinchar e pesquisar a vida de seus companheiros.
Lily é sua irmã e ambas estão em um novo lar provisório. O casal de classe média alta Bren e Todd quer adotá-las. Os dois mostram a elas a possibilidade de uma vida familiar perfeita.
Carlson é o detetive que busca o pai foragido das meninas e vive em constante contato com elas. Wick não confia nele e o atrito entre os dois é intenso.
Tessa morre e o diário dela vai parar nas mãos de Wick. Há anos elas eram melhores amigas, mas foram se afastando. Ao ler as lembranças de Tessa, Wick descobre que o assassino não pretende parar e precisa desesperadamente descobrir a identidade dele.
Griff estuda com Wick e ao se envolver com ela, também mergulha no mistério.
O pai violento de Wick e Lily continua a assustá-las e Wick não consegue parar de hackear.

Encontre-me é um livro recheado de cenas bem escritas e enorme carga de suspense. Possui muita ação e apresenta uma protagonista de personalidade forte. A premissa é instigante e a trama se torna complexa.
Algumas doses de violência eletrizam o livro, tornando-o bastante real. Mistério, medo e perseguição prendem a protagonista e o leitor em um thriller Young Adult de acelerar o coração. Um livro cheio de reviravoltas e excelente ritmo narrativo.
É uma leitura interessante para quem gosta dos dramas / complexidades típicos dos livros Young Adult e procura por suspense e ação. Também será uma leitura sob medida para quem gosta de suspense policial, mas está buscando por um livro jovem e de leitura leve.
Os próximos volumes são inéditos no Brasil. Remember me (volume 2, com previsão de publicação em inglês ainda este ano) e Trust me (volume 3, planejado para 2015 - também em inglês). - Informações do site oficial de Romily Bernard.

A autora:
Romily Bernard é formada em literatura pela Georgia State University. Encontre-me venceu em 2012 o prêmio Golden Heart Contest na categoria Young Adult. Este é o primeiro volume da trilogia que a Globo Livros agora publica.
Site | TwitterFacebook | Youtube



Instagram @leitoraviciada

Skoob

Online

Siga por e-mail