Pesquise no Leitora Viciada

17 de maio de 2012

Manuscrito do livro On the Road é exibido em museu na França

O manuscrito do livro On the Road, versão original datilografada por Jack Kerouac, é exposto no Museu das Letras e Manuscritos, em Paris, nesta quarta-feira (16).
O rolo de 36 metros ficará exposto até o dia 19 de agosto.

A obra ganhou filme dirigido pelo brasileiro Walter Salles, que estreia em junho e tem Kristen Stewart, Amy Adams, Kristen Dunst e Viggo Mortensen no elenco.





Fonte: G1 - Da Reuters - 16/05/2012 - Fotos: Reuters/CharlesPlatiau

Sobre On the Road:
Jack Kerouac escreveu sua obra-prima On The Road, livro que seria consagrado mais tarde como a "Bíblia Hippie", em apenas três semanas. O fôlego narrativo alucinante do escritor impressionou bastante seus editores. Jack usava uma máquina de escrever e uma série de grandes folhas de papel manteiga, que cortou para servirem na máquina e juntou com fita para não ter de trocar de folha a todo momento. Redigia de forma ininterrupta, invariavelmente sem a preocupação de cadenciar o fluxo de palavras com parágrafos.
O material bruto que chegou às mãos de Malcom Cowley, da editora Viking Press, em 1957, deu trabalho. Os rolos quilométricos de texto tiveram de ser revisados, foram inseridos pontos e vírgulas e praticamente 120 páginas do original foram eliminadas. O estilo-avalanche de Jack tinha ainda um elemento intensificador. Ao contrário às idéias correntes, segundo as quais trabalhou em cima do livro sob o efeito de benzedrina, uma droga estimulante; Kerouac, em admissão própria, abasteceu seu trabalho com nada mais que café.
A obra foi trazida ao Brasil como On the Road - Pé na Estrada:

"Sal Paradise é o narrador de On the road - pé na estrada. Ele vive com sua tia em New Jersey, Estados Unidos, enquanto tenta escrever um livro. Ele é inteligente, carismático e tem muitos amigos. Até que em Nova York ele conhece um charmoso e alucinante andarilho de Denver de personalidade magnética chamado Dean Moriarty. Dean é cinco anos mais novo que Sal, mas compartilha o seu amor por literatura e jazz, e a ânsia de correr o mundo. Tornam-se amigos e, juntos, atravessam os Estados Unidos, deparando-se com os mais variados tipos de pessoas, numa jornada que é tanto uma viagem pelo interior de um país quanto uma viagem de auto-conhecimento - de uma geração assim como dos personagens."

O autor:
Nasceu em 1922 nos Estados Unidos e faleceu em 1969 com apenas 47 anos de idade. Era escritor, poeta e pintor.
O "profeta" da geração beat rompeu, nos anos 40, com os valores da sociedade norte-americana, adotando um estilo de vida pouco convencional. Com o amigo Neal Cassidy, viajou pelos Estados Unidos, vivendo as experiências que depois relataria em seus romances autobiográficos. Kerouac escrevia de forma espontânea, num processo denominado sketching.
Seu primeiro livro, The Town and the City (1950), foi bem recebido pela crítica, porém um fracasso comercial.
Escreveu mais de 12 romances, ficando famoso com a publicação de On the Road (Pé na Estrada), de 1957. Nesse livro, deu forma e conteúdo ao modo de vida de sua geração. Sua idealização romântica desse estilo de vida espontâneo e despreocupado quanto ao futuro tornou-o uma figura cultuada pela geração beat, o que aconteceu depois com autores.

Fonte: Wikipedia e Skoob.

Instagram @leitoraviciada

Skoob

Online

Siga por e-mail