Pesquise no Leitora Viciada

8 de julho de 2011

Stonehenge, Bernard Cornwell, Record

Stonehenge
Bernard Cornwell - Editora Record - 504 páginas

Sinopse:
"Uma combinação perfeita: um dos escritores ingleses mais bem-sucedidos no Brasil escreve sobre um dos mais conhecidos e enigmáticos mistérios do planeta.
Como explicar Stonehenge, um enigma tão complexo quanto as pirâmides do Egito? Qual era a finalidade desse círculo de pedras? Todos os anos, milhares de turistas seguem até a planície de Salisbury para tentar entender o grande mistério. Teria o monumento sido erguido pelos gregos? Ou se trata de um templo construído pelos druidas celtas? Bernard Cornwell recria a época da construção do monumento em uma emocionante disputa entre três irmãos pelo poder de sua tribo.


Resenha:
Esse livro se passa mais ou menos 4000 antes de Cristo e mostra o relacionamento de tribos Neolíticas, suas batalhas e a construção fantástica de Stonehenge, um dos lugares mais curiosos do mundo. Não se sabe como Stonehenge foi criado nem para o quê. Porém essa criação de Cornwell é realmente fantástica!
O centro de tudo é a história de 3 irmãos e sua tribo: Saban, o mais novo, que só queria uma vida simples, uma esposa e filho e paz na tribo; Camaban, o do meio, aleijado e gago que nasceu com a marca da Deusa, (por isso foi poupado da morte, pois todos os deformados eram mortos ao nascimento) que dizia falar com Deuses; Lengar, o mais velho que herdaria o comando da tribo, ganancioso, um guerreiro que só pensava em poder, tesouros e conquistas.
Além desses personagens existem outros, igualmente bem trabalhados.
O melhor desse livro é como ele é realístico, com os rituais de Paganismo, como eles estavam ligados a seus Deuses, como viviam naquela época, os feitiços, as histórias, as guerras... a violência é o ponto forte, com lutas, estupros, sacrifícios e muito mais. E o livro é muito bem construído, de forma que é um épico maravilhoso, interessante e mágico. Uma grande pesquisa histórica feita por Cornwell com um toque de ficção
Merecia virar um filme.
Foi o primeiro que li do Cornwell e achei muito bom sendo que os fãs dizem ser o livro mais fraquinho dele.

Skoob

Online

Siga por e-mail