Lançamentos: Grupo Companhia das Letras

Os lançamentos de outubro de 2019 do Grupo Companhia das Letras, incluindo Companhia das Letras, Companhia das Letrinhas, Editora Seguinte, Editora Suma, Editora Paralela, Editora Alfaguara, Editora Objetiva e Fontanar.
Devoção
Patti Smith - Companhia das Letras
144 páginas - comprar

Sinopse:
"Por que escrevemos? De onde vêm as ideias para uma história? Como funcionam as engrenagens da inspiração e da literatura? Dividido em três partes, Devoção vai refletir sobre questões como essas. O relato se inicia com uma viagem da autora a Paris. Percorrendo as "ruas abstratas de Patrick Modiano" e lendo uma biografia de Simone Weil, Patti Smith começa a esboçar um conto, que vai se materializar no segundo capítulo do livro – a história de uma jovem patinadora, sua jornada em busca de si mesma e de suas origens. Ao fim, Patti volta à cena e narra uma visita à casa de Albert Camus, na cidade de Lourmarin, onde depara com o manuscrito de O primeiro homem, romance inacabado do escritor argelino. "Por que alguém se sente compelido a escrever?", é a pergunta que nos acompanha até o fim. "Para dar voz ao futuro, revisitar a infância. Para dar rédea curta às loucuras e aos horrores da imaginação", Patti diz. E porque, afinal, "não podemos apenas viver"."

Crocodilo
Javier Arancibia Contreras - Companhia das Letras
184 páginas - comprar

Sinopse:
""Hoje, meu filho Pedro pulou da janela do seu apartamento." Assim começa o romance de Javier A. Contreras, um relato ágil e surpreendente sobre o suicídio e a angústia dos que permanecem.
Ao contar a história dos sete dias que se seguem à morte de Pedro, o autor embarca em uma narrativa única, que aborda temas como a relação pai-filho, o caos do mundo moderno e as expectativas que nutrimos e frustramos no decorrer da vida.
Com uma linguagem moderna e de ritmo fluido, os sentimentos de Ruy, pai de Pedro, são trazidos à superfície em um misto de raiva e desolação. Ao perder o único filho, Ruy reavalia não só sua relação com a paternidade, mas com todo o mundo a sua volta."

Morangos Mofados
Caio Fernando Abreu - Companhia das Letras
192 páginas - comprar

Sinopse:
"Em sua obra mais célebre, publicada em 1982, quando tinha trinta e quatro anos, Caio Fernando Abreu faz transbordar de cada página a angústia, o desassossego e o estilo confessional que o consolidaram como uma das vozes mais combativas e radicais de sua época. A prosa visceral dos dezoito contos de Morangos mofados – potencializada pela hesitação coletiva de um país que vislumbrava a redemocratização ante a falência incipiente do regime militar – traduziu as inconstâncias humanas mais profundas e continua, ainda hoje, arrebatando leitores de todas as gerações. Para José Castello, que assina o posfácio desta edição, embora seja um livro de narrativas curtas, "a obra mantém uma férrea unidade, em torno da coragem de se despir, da fidelidade aos sentimentos mais íntimos e mesmo os mais terríveis, e ainda à dificuldade de ser"."

Herói Mutilado
Laura Mattos Soares Quintas - Companhia das Letras
400 páginas - comprar

Sinopse:
"Em Herói mutilado, a jornalista Laura Mattos segue a trajetória de uma obra que foi censurada como peça de teatro em 1965, teve uma primeira versão como novela proibida em 1975 e, quando finalmente foi ao ar, dez anos depois, sofreu seguidos cortes.
Quando estreou, em 1985, ano da saída dos militares do comando do país, a novela Roque Santeiro conquistou a maior audiência da história da televisão brasileira. A obra de Dias Gomes, sobre o mito de um falso herói, experimentou as mais variadas formas de repressão durante a ditadura, com uma trajetória ímpar.
Ao revelar os bastidores da censura à TV na ditadura, a autora registra como o aparato legal usado pelos militares foi o mesmo aplicado durante os anos democráticos entre o final da Era Vargas e o golpe de 1964, prova de que esse mal não é exclusividade de regimes de exceção. A pesquisa se apoia em cerca de 2 mil páginas de documentos oficiais produzidos durante a ditadura, além do acervo pessoal de Dias Gomes, que inclui cartas e um diário até hoje inédito.'

Diários da Presidência: 2001-2002
Diários da Presidência - livro 4
Fernando Henrique Cardoso - Companhia das Letras
1024 páginas - comprar

Sinopse:
"No final de 2002, depois de oito anos no Planalto, o presidente Fernando Henrique Cardoso concluía seu segundo mandato com uma lista de realizações que transformaram o Brasil, com destaque para o Plano Real. A abertura da economia, a forte evolução dos indicadores sociais e a inserção soberana do Brasil no mundo globalizado também marcaram sua presidência, além da construção de numerosas obras de infraestrutura.
Por outro lado, a sequência de crises internas e externas enfrentadas desde 1995 obrigara o presidente a tomar decisões difíceis como a brusca desvalorização da moeda, em 1999, e a demissão de auxiliares próximos acusados de condutas impróprias. A derrota do tucano José Serra para o petista Luiz Inácio Lula da Silva refletiu nas urnas o desgaste da popularidade do governo, debilitada desde a crise do apagão, iniciada em 2001.
No quarto volume da série monumental dos Diários da Presidência, que abarca o período 2001-2002, FHC expõe sua visão definitiva sobre o exercício do poder e os destinos do Brasil. Nas entrelinhas dos registros e reflexões, as emoções do calor da hora temperam a frieza analítica de sociólogo e a argúcia de estadista calejado pelas intempéries de Brasília."

Diários Intermitentes
Celso Furtado - Companhia das Letras
Organização: Rosa Freire d'Aguiar
448 páginas - comprar

Sinopse:
"Os Diários intermitentes de Celso Furtado, resgatados integralmente de seus arquivos pessoais, reúnem anotações deixadas por ele ao longo de seis decênios e meio de sua vida, entre 1937 a 2002. Ele não foi um praticante assíduo da arte dos diários, e podia se passar algum tempo sem que fixasse num caderno, numa agenda, numa folha avulsa, o presente mais intensamente vivido. Mas essas notas, embora nem sempre diárias, foram para ele a oportunidade de registrar momentos marcantes e decisivos de sua vida, impressões de viagens a países distantes, a participação na Segunda Guerra Mundial, combates políticos no Nordeste, diálogos com intelectuais e políticos com quem conviveu no Brasil e no exterior, e, por vezes, frustrações e desabafos. Tem-se, aqui, um precioso material inédito que completa as memórias que Celso Furtado deixou e que, sobretudo, mostra uma face desconhecida de um economista e professor que foi, também, protagonista privilegiado da história do Brasil, da América Latina e da Europa na segunda metade do século XX."

Wild Cards: o Começo
Wild Cards - livro 1
Vários autores - Suma
Organização: George R. R. Martin
480 páginas - comprar

Sinopse:
"Um vírus alienígena atinge a Terra logo após o fim da Segunda Guerra Mundial, dotando algumas pessoas de poderes incríveis ou deformidades abomináveis, e transformando para sempre o rumo da história.
Aqueles abençoados com superpoderes físicos ou mentais são chamados de ases, enquanto as pessoas afligidas com habilidades ou características bizarras são denominadas curingas. Alguns usam seus poderes a serviço da humanidade. Outros, para os próprios interesses.
Nesse novo mundo, a humanidade busca recuperar seu equilíbrio - e enquanto ases viram heróis nacionais e estrelas de cinema, os curingas são marginalizados e relegados à miséria. No entanto, nem todo ás usa seu poder para o bem, e no Bairro dos Curingas os ânimos estão esquentando - e uma revolta parece prestes a explodir.
Wild Cards: O começo é o primeiro livro da Tríade Original, e dá início à série Wild Cards editada por George R.R. Martin, o consagrado autor de A guerra dos tronos. Capítulo a capítulo, um time de grandes nomes da ficção fantástica apresenta personagens complexos e interessantes, e constrói a trama inesquecível de um mundo ao mesmo tempo tão parecido e tão diferente do nosso."

Sessão da Meia-Noite com Rayne e Delilah
Jeff Zentner - Seguinte
408 páginas - comprar

Sinopse:
"Toda sexta-feira, as melhores amigas Josie e Delia se transformam em Rayne Ravenscroft e Delilah Darkwood, apresentadoras de um programa de terror exibido em um canal da TV local. Com o final do ensino médio se aproximando, Josie precisa decidir se vai mudar de cidade para estudar em uma universidade grande e ir atrás de seu sonho de seguir carreira na televisão – mas isso significaria ficar longe de sua melhor amiga... Enquanto isso, Delia sonha que seu pai, um fã de filmes de terror que abandonou a família anos atrás, assista ao programa delas na TV e retome o contato.
Em um fim de semana, as duas resolvem fazer uma viagem para a Flórida, onde vai acontecer a ShiverCon, a maior convenção do universo do terror e o lugar perfeito para conseguir um contrato com uma grande emissora. Mas pode ser que um jovem lutador de MMA, um produtor de televisão excêntrico e um basset hound idoso acabem transformando a vida dessas melhores amigas de uma maneira inesperada."

Mortina e o Primo Insuportável
Barbara Cantini - Companhia das Letrinhas
56 páginas - comprar

Sinopse:
"Mortina e seu melhor amigo, o galgo albino Tristão, vivem no Palacete Decrépito com a tia Fafá Lecida, onde brincam com os fantasmas dos corredores e as crianças do vilarejo de Logo Ali.
Durante um dia chuvoso, Dondoco, o insuportável primo de Mortina, aparece no Palacete dizendo que foi convidado pela tia Fafá para um jantar surpresa. Em seguida, chegam os amigos da menina-zumbi, que alegam o mesmo. Mas, estranhamente, a tia Fafá Lecida desapareceu sem deixar rastros.
O que será que aconteceu? Algo sobrenatural? Ou uma simples e mera coincidência? (E será que Dondoco não vai parar de reclamar nem por um segundo?) De repente, Mortina se vê à frente de um mistério que até parece coisa de outro mundo.
Este livro é indicado para crianças a partir de 6 anos."

Os Sete Maridos de Evelyn Hugo
Taylor Jenkins Reid - Paralela
360 páginas - comprar

Sinopse:
"Lendária estrela de Hollywood, Evelyn Hugo sempre esteve sob os holofotes – seja estrelando uma produção vencedora do Oscar, protagonizando algum escândalo ou aparecendo com um novo marido... pela sétima vez. Agora, prestes a completar oitenta anos e reclusa em seu apartamento no Upper East Side, a famigerada atriz decide contar a própria história – ou sua "verdadeira história" –, mas com uma condição: que Monique Grant, jornalista iniciante e até então desconhecida, seja a entrevistadora. Ao embarcar nessa misteriosa empreitada, a jovem repórter começa a se dar conta de que nada é por acaso – e que suas trajetórias podem estar profunda e irreversivelmente conectadas."

Substitua Consumo por Autoestima
Fê Resende e Cris Zanetti - Paralela
168 páginas - comprar

Sinopse:
"O tema "consumo consciente" faz parte do nosso repertório diário de treinamento com clientes de consultoria há alguns anos. Cada vez mais se conversa sobre a ética e a sustentabilidade das escolhas que fazemos na vida e, especialmente, na moda. Pensado pra escolhas de vestir, raciocinando o consumo de roupas com um viés da descomplicação, queremos rever nosso consumo de roupas, que parece estar bem desregulado por uma série de maus hábitos que desconectaram nossas vontades das nossas necessidades, do que é bom pra gente.
Pensar em como a gente consome moda do ponto de vista da ética é uma preocupação relativamente nova, e ninguém tem todas as respostas, ou mesmo alguma resposta definitiva. Então, pra puxar essa conversa – que pode render tanto mais! – a gente organizou um conjunto de regras aprendidas/exercitadas na nossa experiência prática, no dia a dia do nosso trabalho como consultoras de estilo. Não são regras impostas de cima, cravadas na pedra e entregues ao povo, são antes parâmetros que podem ajudar a raciocinar o consumo, a necessidade, as vontades. A favor de um consumo raciocinado, utilitário de verdade, eficaz, propusemos um compilado de regras que tem a intenção de afinar nossas escolhas e melhorar a nossa relação com o dinheiro, com as nossas coisas, com o tempo e com os nossos desejos mais autênticos."

Uma Jornada como Tantas
Francisco J. C. Dantas - Alfaguara
240 páginas - comprar

Sinopse:
"Durante os preparativos para a Festa da Padroeira num lugarejo do interior do Sergipe, Madrinha se acidenta na igreja e desencaminha a gravidez do quarto filho. Sinha Amália, parteira titular da região, é buscada às pressas, mas mãe e criança precisam de cuidados urgentes, quem sabe disponíveis na cidade mais próxima, ou só em Aracaju.
O ano é 1954. A condição das estradas é deficiente e são escassos os meios de transporte. Resta apenas a Teodoro, o devotado marido, contar com os préstimos de Zé Carreiro para transportar, até lá, a gestante no seu carro-de-boi.
A peregrinação dá à luz um saber sobre um mundo ainda ignorado, que se abre e fecha em armadilhas, em trancos, em pequenas lindezas. E em árdua lição para Valdomiro – o menino que, a cavalo, acompanha o carro-de-boi e que relata, com toda a inocência, os terríveis percalços da jornada. Ao seguir a comitiva, o leitor conhece o quanto esse universo é, em verdade, distante do seu. Mas apenas em aparência."

Matéria de Poesia
Manoel de Barros - Alfaguara
96 páginas - comprar

Sinopse:
""Todas as coisas cujos valores podem ser / disputados no cuspe à distância / servem para poesia." Assim começa Matéria de poesia, livro publicado originalmente em 1974 em que Manoel de Barros explicita do que é "feita" sua arte. Pois ela é composta de versos que são frases ritmadas ao rés do chão, nascidas da atenta observação do que não é importante. A matéria da poesia une palavras e coisas. Quase um manifesto que reflete o projeto de escrita de Manoel, os poemas reunidos neste volume unem seres e objetos aparentemente inconciliáveis. Nesta que é uma de suas obras mais importantes, se destacam também o apurado trabalho com a linguagem e o olhar para as coisas miúdas da natureza, nomeadas como se estivessem sendo vistas pela primeira vez. Afinal, nas palavras do próprio poeta: "As coisas jogadas fora/ têm grande importância"."

Cidade Porosa
Bruno Carvalho - Objetiva
400 páginas - comprar

Sinopse:
"Durante a década de 1990, o Rio de Janeiro ganhou o epíteto de "cidade partida", imagem ainda mais exacerbada pelos contrastes sociais e econômicos. No entanto, esse mesmo caldo cultural foi moldado por fronteiras porosas e encontros multiétnicos. Com base em uma ampla gama de fontes, como teorias urbanas, literatura, pintura, música popular e cinema, além de planos urbanos, censos, testemunhos orais, memórias, cartas e relatos de viagens, Cidade porosa renova os estudos sobre o papel do Rio de Janeiro na formação da cultura nacional e sua importância para os principais debates globais sobre modernidade e práticas urbanas. Oferece ainda uma perspectiva original ao concentrar sua análise na Cidade Nova, área tradicional da cidade, desde sua criação, em 1811. Outrora conhecida como Pequena África ou Bairro Judeu, o bairro sempre foi uma referência importante para escritores, artistas, cientistas sociais pioneiros e visitantes estrangeiros – de missionários cristãos a Orson Welles. A Cidade Nova também desempenhou um papel central nas narrativas e mitos do Brasil como "o país do Carnaval" ou da "democracia racial". O que é aparentemente insular em Cidade porosa se revela uma análise abrangente em que Bruno Carvalho cunha um novo conceito, o de porosidade, em vez dos já consagrados "sincretismo" e "miscigenação". Publicado originalmente em 2013 nos Estados Unidos, ganhou o prêmio Roberto Reis da Brazilian Studies Association no ano seguinte."

Seja Monge
satyanatha - Fontanar
288 páginas - comprar

Sinopse:
"A palavra "monge" vem do grego monos - único, um, completo e conectado. Hoje é necessário, mais do que nunca, ser monge: para entender que nada é separado, seja você, o outro, a natureza, o passado, o agora e o futuro; abandonar o múltiplo criado por tantos pontos de vista e, olhando para dentro, enxergar cada coisa com simplicidade, como ela é.
Um dos caminhos para isso é a meditação, um método sagrado de controlar a mente e aprofundar-se na consciência. Ela transita das montanhas dos Himalaias até as mais avançadas universidades, indicada por médicos e cientistas, aliada de todos na busca da saúde e da felicidade. O meditador encontra um sol invisível que brilha dentro de si, e busca o autoconhecimento para exercer a liberdade.
Este livro, acessível e direto, é um chamado gentil para que você se encontre. Para que na sua vida exista mais coerência, mais paz e mais luz. Aqui o autor ensina 28 meditações, segredos dos monges e muitas descobertas. Na mais profunda verdade, este livro é sobre você.
A jornada é sua."

Nenhum comentário

Antes da publicação, os comentários passam por moderação.
Comentários considerados spams, agressivos ou preconceituosos não serão publicados, assim como pedidos de ebooks ilegais.
Sua opinião é muito importante!
Se você tem um blog, retribuirei seu comentário assim que possível.
Obrigada por participar.

Editoras parceiras