BienalSorteioSorteio Dicas
22 julho 2011

O que ler dos 2 aos 18 anos? Aos 2 anos

Um livro ao mês dos 2 aos 18 anos de idade, que transforma a criança e adolescente em um adulto leitor cheio de boas referências. Serão 17 postagens completas, uma para cada ano.

2 anos | 3 anos | 4 anos | 5 anos | 6 anos | 7 anos | 8 anos | 9 anos | 10 anos | 11 anos | 12 anos | 13 anos

Livros indicados por Regina Scarpa, coordenadora pedagógica da Revista Nova Escola e especialista em Educação Infantil.

Janeiro
Bem-te-vi de Lalau Laurabeatriz, Companhia das Letrinhas:
O autor brinca de forma simples com as palavras envolvendo as crianças no jogo de rimas. Apresenta alguns poemas sobre universos familiares às crianças, como o mar, o brejo, os palhaços, entre outros. Conta do ‘bate-papo do sapo com a rã’, do ‘zumbido da abelha’ e do vagalume que parece um diamante.



Fevereiro
Fora da Gaiola de Lalau e Laurabeatriz, Companhia das Letrinhas:
A leitura de poemas é muito recomendada, pois a estrutura em rimas favorece a memorização das crianças que se envolvem com o texto. Os poemas apresentam animais da fauna brasileira: a andorinha, o zabelê, o quero-quero, o tiziu e outros. São descritas suas principais características, como canto, plumagem, forma de construir o ninho, etc.


Março
Girassóis de Lalau e Laurabeatriz, Companhia das Letrinhas:
A partir de animais curiosos como o pirilampo e o porco-espinho e de objetos como um estranhíssimo pente que 'tinha pesadelo toda vez que sonhava com cabelo', o autor brinca com as palavras. Os poemas fascinam as crianças que rapidamente os memorizam e se interessam ainda mais pela leitura.



Abril
Livro de Histórias de George Adams, Companhia das Letrinhas:
Este livro apresenta alguns clássicos como "Chapeuzinho Vermelho", "Os Três Porquinhos", "Cachinhos Dourados". O contato com diferentes versões de uma história já conhecida pelas crianças é muito recomendado, pois podem fazer reflexões, observar semelhanças e particularidades de cada um dos contos conhecidos.



Maio
Mamãe Gansa de José Paulo Paes, Companhia das Letrinhas:
Uma senhora de roupas multicoloridas, botinhas e chapéu pontudo passeia pelo céu, transportada por um ganso. Ela é Mamãe Gansa, uma das mais tradicionais figuras das rimas infantis que compõem o cancioneiro popular. Seus versos divertidos e personagens eternos vêm deliciando as crianças há gerações.



Junho
Não Confunda de Eva Furnari, Editora Moderna:
A partir da brincadeira não confunda isso com aquilo, a autora propõe várias confusões baseadas na semelhança de sons das palavras. Os curtos e hilários textos vêm acompanhados de imagens que tornam ainda mais acessíveis às crianças pequenas o jogo proposto pela autora. Rapidamente a brincadeira é incorporada e pode ser estendida a outros objetos do universo familiar.



Julho
O Sapo Bocarrão de Keith Faulkner, Companhia das Letrinhas:
O sapo é um divertido animal de boca muito grande, tão guloso que vive perguntando aos bichos o que gostam de comer. Gordão, pula de página em página comendo moscas e jogando conversa fora até que... Além da divertida narrativa, o livro tem dobraduras-surpresa que fascinam os pequenos leitores.



Agosto
Quem Canta Seus Males Espanta de Theodora de Almeida, Editora Caramelo:
Este livro contém as tradicionais cantigas, parlendas e adivinhas. A ideia é manter a tradição, de geração em geração, ouvindo, lendo e cantando juntos. Ajuda muito na alfabetização.




Setembro
Bule de Café de Luís Camargo, Editora Ática:
Estrelando Maneco Caneco Chapéu de Funil, nesta façanha, acompanhado do Leitão Leitor. Eles se deparam com o bule de café. Mas onde está o café? Maneco Caneco e seu mascote vão descobrir qual é o caminho feito pelo café, desde que é plantado até chegar ao bule.



Outubro
A Casa Sonolenta de Audrey Wood, Editora Ática:
Era uma casa sonolenta onde todos viviam dormindo: avó, menino, cachorro, gato e rato... Até a chegada da pulga.  O livro é uma referência de como texto e ilustração podem fazer uma ótima parceria. Os tons das páginas vão dando indícios que o dia está amanhecendo e à medida que a noite avança, muitas emoções acontecem no quarto de dormir.



Novembro
Da Pequena Toupeira Que Queria Saber Quem Tinha Feito Cocô na Cabeça Dela, de Werner Holzwarth e Wolf Erlbruch, Companhia das Letrinhas:
O livro aborda, sem timidez, esse tema que tanto diverte as crianças. Uma pequena toupeira está atrás de quem fez cocô em sua cabeça. A história desperta muitas reações, desde calorosas risadas até espanto e nojo do que a toupeira encontra nesta busca.


Dezembro
O Porco Narigudo de Keith Faulkner, Companhia das Letrinhas:
A história parte da brincadeira que ‘há muito, muito tempo, todos os porcos tinham narizes compridos, pontudos e rosadinhos’. Um simpático e narigudo porco passeia pela floresta e verifica que outros animais são narigudos, mas não tanto como ele. Com dobraduras surpresas, as crianças podem ver ampliados os narizes que o porco cruza em seu caminho.


Você se lembra o que lia nessa idade? Ou melhor, o que liam para você? Eu me lembro! Era um livro da coleção de minha tia, que eu adorava pegar emprestado, de tanto que leram para mim, eu decorei. E é verdade, pois tenho guardado e bastante preenchido, um "Livro do Bebê", que minha mãe preencheu sobre mim e lá está o que eu lia aos 2 anos de idade:

Eu recomendo
Nicolau Tinha Uma Ideia de Ruth Rocha, Quinteto Editorial:
Conta história de um lugar aonde cada um tinha a sua ideia, mas não contavam uns aos outros qual era, guardando cada um a ideia para si. Então chega Nicolau, que conta sua ideia para alguém, que passa a ter a sua ideia e a de Nicolau, e ao contar sua ideia para outra pessoa tem duas ideias para contar. Resumindo, as ideias vão crescendo, abrangendo cada vez mais pessoas e mais e mais... as ilustrações são essenciais, nela a criança vê as ideias dos personagens em balões.

Após ficar fanática por este livro, aos 2 anos, eu saí perguntando a todos na rua qual era a ideia que tinham! Deve existir uma edição mais recente, mas era exatamente essa daí da capa a que eu gostava. Ainda acho esse livro com essas ilustrações para comprá-lo!
(Atualização 12/08/2011 - comprei meu exemplar no Estante Virtual!)

Na próxima postagem, aguarde os livros recomendados para os 3 anos de idade.
Fonte: Educar Para Crescer

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua opinião é muito importante! Obrigada por participar.

© Copyright 2011 - 2014. | Todos os direitos reservados. | Tema: Way2themes. | Aministração: Tatiana Jiménez Inda. | Tecnologia: Blogger. | Atenção: Direitos autorais.